quarta-feira, 23 de junho de 2010

é.

2 comentários:

Moacir Moreira disse...

eu ia dizer isso mesmo!

Anônimo disse...

Caro Moacir Moreira da Silva.
Visto que não morri, já que estou por aqui pensei cá com meus botõezinhos de brilhantes: por que comentar, por que não comentar, por que comentar, por que não comentar?
E nessa dúvida existencial que acomete 11 em cada 11 dos seus seguidores confessos optei por me abster de tal ato que, senão relevante ao menos pertinente à saúde econômica dos menos privilegiados economicmaente falando. Todavia não sem antes afirmar-te que na minha valorada bolsa só euzinha meto a mão. E tenho dito e redito.
Ou não!
Teyla - Gurijuba do Tio.